terça-feira, 2 de julho de 2013

TECTOSSILICATOS - GRUPO DOS FELDSPATOS - SUBGRUPO DOS FELDSPATOS POTÁSSICOS/SÓDICOS

Este grupo resulta da possibilidade de solução sólida, parcial a total, entre as moléculas [KAlSi3O8] e [NaAlSi3O8], em ambientes de alta temperatura e pressões baixas a médias. Este grupo é formado pelo anortoclásio, soda-sanidina e anortoclásio-sanidina, minerais que ocorrem em rochas efusivas ou hipoabissais acidas a alcalinas, de temperaturas bastante altas e resfriamento rápido.

Anortoclásio
Foto do Mineral Forma Cristalográfica
  bdanortocl.gif (7626 bytes)
Cristal de anortoclásio
Direções ópticas e cristalográficas
Fórmula Química - (Na,K)AlSi3O8
Composição -  4,42 % K2O, 8,73 % Na2O, 19,15 % Al2O3, 67,70 % SiO2
Cristalografia -
Monoclínico
        Classe -
Prismático

Propriedades Ópticas -
Biaxial negativo

Hábito -
Prismático ou tabular
Clivagem - 
Duas direções, {001} e {010}, má em {110}
Dureza -
6

Densidade relativa -
2,54 - 2,57
Brilho -
Vítreo
Cor - Branco, amarelo-claro, vermelho ou verde

Associação -
 Associado a minerais alcalinos de alta temperatura.

Propriedades Diagnósticas -
O anortoclásio pode se distinguir da sanidina pelo menor ângulo 2V. A geminação aparece numa escala muito mais fina do que no microclínio e as lamelas geminadas de periclina são quase paralelas a (001). Distingue-se também do microclínio pelo menor ângulo 2V e ângulo de extinção segundo (001).
Ocorrência - Em lavas levemente alcalinas a alcalinas.
Usos - Cerâmica, gemas.