sexta-feira, 31 de maio de 2013

Mineral GRUPO DOS ÓXIDOS - SUBGRUPO DO ESPINÉLIO

Espinélio
Foto do Mineral Forma Cristalográfica
 
Cristais de
Direções ópticas e cristalográficas
Fórmula Química - MgAl2O4
Composição - 
Óxido de alumínio e magnésio. 21,3 % de MgO, 78,7% de Al2O3
Cristalografia -
Isométrico
        Classe -
Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -
Mineral isotrópico

Hábito -
Octaédrico ou granular 
Partição -
{111}

Dureza -
8
Densidade relativa -
3,6 - 4,4
Fratura -
Fratura conchoidal
Brilho -
Brilho resinoso a graxo
Cor -
Cor variável (vermelho, azul, verde, amarelo, marrom, preto e quase transparente)

Associação -
Pode estar associado com minerais de rochas básicas a ultrabásicas.
Propriedades Diagnósticas -
Frágil; transparente a translúcido, solúvel lentamente em H2SO4, distingue-se da granada pela forma octaédrica e ausência de sílica
Ocorrência -
Origem magmática, ocorrendo em rochas básicas a ultrabásicas como mineral acessório, e em mármores impuros submetidos a metamorfismo de contato de alta temperatura.
Usos - É usado como gema e refratário.O "Rubi do Príncipe Negro" da Cor Imperial (inglesa) é um espinélio, sendo o nome  "rubi balas" usado para as variedades mais pálidas.


Franklinita 
Foto do Mineral Forma Cristalográfica
 
Cristal de franklinita
Direções ópticas e cristalográficas
Fórmula Química - (Zn,Mn,Fe)2O4
Composição - Óxido de ferro, manganês e zinco.
9,0% de MnO, 16,7% de Mn2O3, 3,0% de FeO, 50,6% de Fe2O3, 20,6% de ZnO
Cristalografia -
Isométrico
        Classe -
Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -
Mineral isotrópico, com cor matiz esverdeado.

Hábito -
  Octaédrico, granular e maciço
Partição -
Octaédrica

Dureza -
5,5 - 6
Densidade relativa -
5 - 5,2
Brilho -
Submetálico
Cor -
Preto do ferro e opaco, exceto em seções muito finas, onde exibe cor marrom e branco-acinzentado em luz refletida

Associação -
Willemita e  zincita
Propriedades Diagnósticas -
Levemente magnético, solúvel em HCl, traço marrom-avermelhado. Difere da magnetita pelos minerais associados, traço marrom-avermelhado, menor magnetismo e teste de Mn e Zn.
Ocorrência -
Ocorre em calcários, resultantes de processos metassomáticos complexos.
Usos - Fonte de  Zn.



Gahnita


Foto do Mineral Forma Cristalográfica
  bdespinelio.gif (2138 bytes)
Cristais de gahnita em rocha
Direções ópticas e cristalográficas
Fórmula Química - ZnAl2O4
Composição - 
Óxido de alumínio e zinco. 44,04% de ZnO, 55,6% de Al2O3
Cristalografia -
Isométrico
        Classe -
Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -
Mineral isotrópico

Hábito -
  Maciço, granular e octaédrico
Dureza -
8

Densidade relativa -
4 - 4,6
Cor -
Verde-escuro, amarelos, cinzento, e azul até completamente negro

Associação -
Granada, esfarelita, feldspatos.
Propriedades Diagnósticas -
Pode apresentar geminação sobre {111}, lentamente solúvel em H2SO4. Difere da granada por índices mais elevados, forma octaédrica, ausência de sílica e dos outros espinélios pela composição.
Ocorrência -
Ocorre em rochas metamórficas, tais como margas, escarnitos, gnaisses e em pegmatitos graníticos. Aparece também em filões de substituição metassomática.
Usos - Freqüentemente contém Mg, sendo  os espécimes puros  usadas em joalheria. 


Magnetita 

Foto do Mineral Forma Cristalográfica
 
Cristais de magnetita
Forma cristalográfica
Fórmula Química - Fe3O4
Composição - 
Óxido de Ferro. 31,0% de FeO, 69,0% de Fe2O3
Cristalografia -
Isométrico
        Classe -
Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -
Isotrópico, cinza comumente com matiz marrom.

Hábito -
Octaédrico, dodecaédrico, cúbico, maciço, granular  
Clivagem - Indistinta
Dureza -
5,5 - 6
Densidade relativa - 5,1
Fratura -
Subconchoídal a ausente

Partição -
Octaédrica
Brilho -
Lustroso, esplêndido, metálico a  submetálico
Cor - Preto-metálico

Associação -
Variada.
Propriedades Diagnósticas - Magnético, possui geminação polissintética, estrias nas faces octaédricas, cor de traço preto, hábito, densidade.
Ocorrência -
Constituinte comum de rochas magmáticas, podendo formar camadas devido a processsos de diferenciação magmática. Presente também em rochas metamórficas, de metamorfismo de contato ou regional. Ocorre em meteoritos e também em areias de praia. Comumente formada pela alteração de minerais que contém óxido de ferro.
Usos - Importante fonte de ferro.